PALACIO DA PENA PANOTOUR GLOBAL


NAVEGAÇÃO USANDO AS IMAGENS COM LINKS

Desktop computer - Clicar na bolinha vermelha para aceder a esse panotour ; ao passar por cima da bolinha vermelha, já viu o nome desse panorama, só precisa clicar para aceder a esse panotour.

Tablet - Clique na bolinha vermelha para ver o titulo. Clique de novo na bolinha vermelha para escolher e ver esse panotour

No século XII foi construida neste lugar uma Ermida-Santuário Mariano, dedicado a Nossa Senhora da Pena.Em 1503 D. Manuel I, desenvolveu e enraizou o culto neste lugar, sendo construído, por ordem deste rei, um convento destinado à Ordem de São Jerónimo (Estamos na época do arranque da construção do Mosteiro dos Jerónimos em Belém) Entre 1503 e 1511 é erguido um edifício em madeira , seguido de um outro, mas em cantaria (1511). Data desta primeira época do convento, o claustro tardo-gótico, e o magnífico retábulo renascentisca em alabastro que se conserva na capela do palácio. Concebido entre 1528 e 1532 pelo escultor francês Nicolau de Chancerenne,com figuração escultórica inspirada no Novo Testamento, destacando-se as cenas da infância de Cristo. Em 1838 quando D.Fernando II compra o imóvel este se encontrava em ruins, em parte pelo terramoto de 1755. D.Fernando II é de origem germânica, pelo que decide restaurar e ampliar o que restava do antigo mosteiro dentro do estilo revivalista em voga nos finais do séc. XIX. O arquitecto Eschwege inspira-se naturalmente nos elementos do neo-gótico germanico, e outros da arquitectura oriental. Após a morte de D.Fernando II, o palácio é adquirido pelo rei D.Carlos. A rainha D.Amélia vive aqui até ao final da monarquia em 1910. Representa uma das principais expressões do Romantismo arquitectónico do século XIX no mundo, constituindo-se no primeiro palácio nesse estilo na Europa, erguido cerca de 30 anos antes do Castelo de Neuschwanstein, na Baviera.


VISITA VIRTUAL 360º


My Image
My Image